Inscrição Minha Casa, Minha Vida 2018 – Cadastro

Um dos maiores problemas que o Brasil enfrentou ao longo de sua História, o problema com moradia sempre despertou interesse de estudiosos e sempre motivou a criação de diversos programas habitacionais como tentativas de solucionar a questão. Abaixo você poderá fazer sua inscrição no Minha Casa Minha Vida.

No entanto, foi com a criação do programa Minha Casa, Minha Vida, que foi lançado no ano de 2009, que o governo federal conseguiu de fato alcançar alguns bons resultados em relação ao problema de moradia no Brasil.

Pois é justamente para que possamos conhecer melhor o programa Minha Casa,Minha Vida, que nas próximas linhas deste artigo, nós vamos mostrar alguns detalhes importantes sobre este programa, especialmente no que diz respeito à inscrição do programa. Veja a seguir como realizar o Cadastro Minha Casa Minha Vida.

Cadastro Minha Casa, Minha Vida – Inscrição

Para uma pessoa que deseja fazer parte do programa e com isto, conseguir alcançar o sonho da casa própria, será fundamental primeiramente procurar entender como se dá o cadastro Minha Casa, Minha Vida.

O programa Minha Casa, Minha Vida permite que pessoas consigam fazer um financiamento para conseguir finalmente ter uma moradia própria, e neste processo, o primeiro passo será o cadastro Minha Casa, Minha Vida, pois será ele que dará início a todo o processo seletivo.

Atualmente, existem 4 etapas dentro do programa Minha Casa, Minha Vida: cadastro, análise, seleção e aprovação do financiamento. E o cadastro será uma das mais importantes, já que sem ele, não haverá como ocorrer as próximas.

Somente municípios com mais de 50 mil habitantes são parceiros do programa Minha Casa,Minha Vida, e para se cadastrar, a pessoa deverá residir em um destes municípios, ter 18 anos ou mais e não possuir outro imóvel em seu nome.

Será fundamental também que a pessoa não tenha o nome sujo junto aos órgãos de proteção ao crédito, tais como o SPC/Serasa, pois isto inviabilizaria todo o processo e não permitiria a aprovação do financiamento.

O cadastro Minha Casa, Minha Vida poderá ser feito pela internet ou diretamente com as prefeituras municipais, com as entidades organizadoras, com as associações comunitárias ou com as secretarias de habitação.

Para fazer o cadastro Minha Casa, Minha Vida, as pessoas deverão entregar os seguintes documentos:

  • Carteira de identidade com foto;
  • CPF (Cadastro de Pessoas Físicas);
  • Comprovante de renda dos últimos 6 meses;
  • Declaração de Imposto de Renda;
  • Carteira de Trabalho da Previdência Social (CTPS);
  • Comprovante de estado civil;
  • Cópia da CLT.

Os profissionais liberais ou os profissionais autônomos poderão comprovar sua renda por meio de seus extratos bancários e também por meio de sua última declaração do Imposto de Renda.

Como funciona o Minha Casa, Minha Vida

Voltado para famílias de baixa renda, o programa Minha Casa, Minha Vida busca oferecer para estas famílias, as melhores e mais atrativas condições para que elas consigam encontrar moradia dentro de áreas urbanas.

Minha Casa, Minha Vida 2018

Os financiamentos oferecidos pelo programa Minha Casa,Minha Vida são muito mais atrativos do que os financiamentos do gênero que são oferecidos fora do programa, e por conta disto, apresentam, entre outras coisas, taxas de juros bem mais baixas.

Desta forma, fica muito mais fácil para que famílias de baixa renda também consigam comprar um imóvel e consigam ter moradia própria dentro de áreas urbanas com preços mais justos e com condições mais favoráveis.

As famílias interessadas em participar e fazer a inscrição Minha Casa, Minha Vida deverão fazer parte de um dos 4 grupos:

  • Famílias com renda mensal de até R$ 1,800,00 (grupo 1),
  • Famílias com renda mensal de até R$ 2,600,00 (grupo 1,5)
  • Famílias com renda mensal de até R$ 4.000,00 (grupo 2)
  • Famílias com renda mensal de até R$ 7.000,00 (grupo 3).

As famílias do grupo 1 e do grupo 1,5 deverão fazer seu cadastro na prefeitura municipal ou na entidade social, enquanto que as famílias dos demais grupos poderão fazer a opção de se cadastrar de modo individual ou junto à uma entidade organizadora que faz parceria com o programa habitacional.

Simulador Minha Casa, Minha Vida

E como em todos os financiamentos, também no programa Minha Casa, Minha Vida, será fundamental que a pessoa interessada em fazer sua contratação faça uma simulação dos valores, para que, entre outras coisas, possa se programar para fazer os pagamentos.

Minha Casa Minha Vida

Para que a pessoa possa fazer este procedimento, ela terá de acessar o simulador Minha Casa,Minha Vida, que é disponibilizado no site oficial da Caixa Econômica Federal, que é o www.caixa.gov.br/voce/habitacao/minha-casa-minha-vida/urbana/Paginas/default.aspx.

Para fazer uma simulação do programa Minha Casa, Minha Vida, a pessoa interessada terá de clicar no botão azul “Simule Aqui”, que está na página inicial, abaixo das explicações sobre o programa.

A simulação será feita com base no valor que será financiado e na quantidade de prestações (parcelas do financiamento), sendo que o resultado mostrará o valor que será pago mensalmente de parcela pela pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *